quarta-feira, 13 de junho de 2012

parte 02/04


A NeoEmpresa

Para trás você deixará as ordens burras que emergem de ideias defasadas. E ainda terá a compensação de estar no centro das decisões e os altos e baixos do empreendimento, mesmo no início, se tornarão o mapa do tesouro da acumulação de alguns bens, por certo. Mas principalmente terá a oportunidade de imprimir seu estilo e princípios aos negócios que liderar.

Ao se tornar um empreendedor de verdade a primeira ficha que cai é que não existem sucessos ou fracassos permanentes. E que numa hipótese ou outra, de se dar bem ou mal, é uma questão de acumular pequenas vitórias (ou pequenos fracassos) todos os dias.

Quando se jogar de cabeça no empreendimento ao qual agregará sua alma e DNA você será o construtor da NeoEmpresa, anunciada por Cesar Souza no livro “A NeoEmpresa”, da EditoraIntegrare Business, que nos diz: “Os princípios e as ferramentas de gestão do management contemporâneo foram criados para um ambiente corporativo que ficou no passado”.

O NeoEmpreendedor tem agora, diz Cesar Souza, que equacionar novos tipos de clientes e as novas aspirações e valores agregados à empresa pelas pessoas que nela trabalham.
Sem deixar de fora de suas preocupações estratégicas as interferências cada vez mais diretas dos acionistas, parceiros, distribuidores, comunidades, formadores de opinião e órgãos regulatórios.

Se está pensando em desistir de ser empreendedor e apelar para o holerite eterno enquanto dure, imagina a empresa tradicional que terá que disputar mercado nesse NeoAmbiente. É pouco provável que sobreviva e que possa garantir seu emprego por muito tempo.

De volta ao seu empreendimento e ao nosso primeiro parágrafo, há que se levar em consideração algumas atitudes necessárias para sustentar a sua coragem inicial de ter se jogado neste maravilhoso mundo novo, em que seu talento pode e será usado a seu favor.

fonte: Marco Roza, jornalista e estrategista de novos negócios, in http://economia.uol.com.br/empreendedorismo/colunistas/2012/05/30/coragem-toda-empresa-acerta-e-erra-aprenda-a-gerenciar-sucessos-e-fracassos.jhtm 

Nenhum comentário:

Postar um comentário